Página Inicial / Notícias do Estado / Carlinda – Moradores reclamam a falta de assistência e alimentação na Caravana da Transformação por parte da prefeitura

Carlinda – Moradores reclamam a falta de assistência e alimentação na Caravana da Transformação por parte da prefeitura

A Caravana da Transformação, que é aparentemente um programa revolucionário governo do Estado, está em Alta Floresta, e encerra suas atividades neste Sábado (17/06), trouxe consigo, sem dúvidas muitos benefícios à saúde de mais de 40 mil pessoas de toda região em torno, que diariamente compareceram as tendas de atendimento durante os 10 dias, mas, nem todos os municípios deram o suporte necessário que seus moradores esperavam.

Pacientes tiveram que aguardar períodos exaustivos nas filas que duravam desde a madrugada até o fim da tarde para serem atendidos e o drama só aumentava quando a expectativa de se alimentar durante a espera era zero.

 

Porém, nem todos os beneficiados do programa tiveram a sorte de ter suas necessidades mais básicas atendidas por sua prefeitura, com as devidas obrigações no que tange ao suporte que se esperava, ou pelo menos com o mais básico que se podia contar, como a alimentação.

Um destes exemplos é o município de Carlinda, que apesar de estar a pouco mais de 30 quilômetros de Alta Floresta, podendo ser considerado o mais mais próximo em questão, teve um índice altíssimo de reprovação por parte dos pacientes atendidos pela caravana, e fizeram questão de contar a reportagem do Mato Grosso Ao Vivo, as dificuldades que estavam encontrando para conseguir se alimentar durante os processos de atendimentos.

Em alguns casos houve a necessidade de se pedir comida às casas de apoios de outro municípios que estavam atendendo seus moradores, tornando a situação bem mais humilhante para que dependia do suporte do município.

A exemplo de outros municípios como Nova Bandeirantes que foi extremamente elogiado por seus munícipes, que aqui estiveram, inclusive em matérias de jornais locais, pela excelente estrutura montada e oferecida, desde o transporte até alimentação e suporte nas acomodações, já o município de Carlinda,  “não fizeram a menor questão de fornecer nem mesmo “pão e água” pra nós”, segundo alguns entrevistados, que se encontravam nesta sexta feira, em uma casa de apoio de outro município que se encontrava na rua de trás da estrutura montada para atender a população.

“Não fizeram a menor questão de fornecer nem mesmo “pão e água” pra nós”

Procuramos durante nossa visita as tendas de atendimento algum representante da prefeitura de Carlinda que pudesse nos esclarecer os por quês da falta de assistência básica aos seus moradores, já que os demais municípios cumpriram com seu papel,  como a exemplo de outros municípios que forneceram todos os dias, pelo menos, pão com carne moída aos seus morados, mas, não conseguimos informações de ninguém que respondesse pela comitiva de Carlinda, a não ser o motorista de um ônibus escolar que não quis falar com a nossa reportagem.

Os moradores  de Carlinda, que fizeram a denúncia a nossa reportagem, também pediram certo sigilo em suas informações para sofrerem retaliações, pois o medo de serem reprimidos por suas declarações estavam estampados em suas palavras, porém o sentimento de revolta falou mais alto, para alguns, apesar do titular a frente do executivo municipal ser uma mulher, a falta de sensibilidade e descaso com a população em busca de tratamento de saúde foi total durantes todos os 10 dias em que o evento ocorreu.

Tentamos contato com a prefeitura de Carlinda neste sábado, mas, os telefones não foram atendidos.

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, músico, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Alta Floresta deverá receber mais de R$ 1,2 milhão do FEX – Cidades

Compartilhar com WhatsApp Com a liberação do Auxílio Financeiro para Fomento das Exportações (FEX), os …

Um comentário

  1. Pois é…o povo só sabe mm é reclamar…eu, particularmente, só tenho agradecer a CARAVANA DA TRANSFORMACÃO, fui muitissimo bem atentendida,aproveito,para deixar meu mt obgdo à tds que trabalhalharam *desde os voluntários,ajudantes,medicos,enfermeiras,enfim,todos.GRATUDÃO.

O que você acha disso???

%d bloggers like this: