Página Inicial / Últimas Notícias / Últimas / MOVIMENTO: Moradores da zona sul do Rio vão às ruas em protesto contra a violência

MOVIMENTO: Moradores da zona sul do Rio vão às ruas em protesto contra a violência

1109928-ffraz_abr_25022018_5860_1

Moradores de bairros da zona sul do Rio fizeram hoje (25) um protesto pedindo mais políticas públicas de segurança para a região. A manifestação reuniu centenas de pessoas vestidas de branco e caminhou do Largo do Machado até o Palácio Laranjeiras, sede do governo estadual.

À frente, jovens em motocicletas exibiam cartazes com fotos de suspeitos de terem cometidos crimes, divulgadas pelo Disque Denúncia ou obtidas na internet.

Houve reclamações sobre a falta de patrulhamento e cobranças pelo uso da inteligência policial nos bairros de Laranjeiras, Catete, Flamengo e Botafogo. “Há uma sensação de insegurança amparada nos relatos que recebemos. São bandidos de fuzil assaltando pedestres em plena luz do dia, na porta de casa”, disse uma das organizadoras do protesto, a fisioterapeuta Bebel Costa. Ela montou páginas na internet que recebem relatos e até vídeos de crimes nos bairros.

Segundo Bebel, os dados oficiais não indicam aumento da violência, porque muitos casos não são registrados na delegacia. Incentivar a notificação de ocorrências é um dos objetivos da fisioterapeuta. “Levamos esses dados para reuniões do Conselho de Segurança Comunitária uma vez por mês, para ajudar a planejar o policiamento. É como eu digo: se o crime é organizado, a sociedade também precisa ser”, afirmou.

Os manifestantes criticaram a gestão do governador Luiz Fernando Pezão e do prefeito do Rio, Marcelo Crivella, cobrando melhorias na cidade, como na iluminação pública, além da destinação de impostos para ações de segurança, como a inteligência policial, a valorização dos agentes e reparos nas viaturas paradas.

Quando o grupo chegou ao Palácio Laranjeiras foi feito um minuto de silêncio em memória de policiais mortos, embora a maioria não tenha morrido em serviço.

“A violência não vem de outro planeta”, declarou a professora Silvana Leone. “A violência é produzida, é consequência, e os responsáveis são as pessoas que estão no poder e que desviaram dinheiro, inclusive da educação, que enfrenta redução de investimento. Educação não é gasto. Um país que não cuida de suas crianças não tem futuro. Uma criança que vive na rua, sem alimentação, sem cuidado, o que sobra? Nada, a não ser reproduzir a violência que ela experimentou.”



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:MOVIMENTO: Moradores da zona sul do Rio vão às ruas em protesto contra a violência
FONTE: DIÁRIONEWS

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.


GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » admin

Que tal ler esta?

Prefeita em exercício quer deixar marco de sua administração

Compartilhar com WhatsApp Carlos Alberto de Lima/Assessoria Prefeitura Municipal A prefeita em exercício Marinéia Munhoz …

Deixe aqui seu comentário!

%d bloggers like this: