Últimas

Sindicato rejeita fundo que aumentará preço dos combustíveis em MT

c4fecdd666f74ede88570c161e2a970b

A Associação dos Comerciantes de Materiais para Construção (Acomac) e o Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção, Elétrica, Hidráulica, Louças, Tintas, Ferragens e Vidraçaria (Sindcomac) decidiram aderir à implantação do Fundo de Estabilização Fiscal, apoiando o projeto do Governo de Mato Grosso. O governador Pedro Taques se reuniu com o segmento nesta sexta-feira, quando apresentou todos os dados financeiros do Estado e o projeto do Fundo de Estabilização, que ainda está sendo elaborado, em conjunto a vários segmentos da economia mato-grossense.

Para o presidente da Acomac, Gustavo Nascimento, a medida é realmente necessária, diante do quadro econômico em que o Estado se encontra. “Somos um segmento parceiro e queremos ver este Estado se desenvolvendo. Portanto, aderimos a esta ideia do Fundo de Estabilização para que, juntos, consigamos de fato colocar o Estado nos trilhos e ver esse desenvolvimento”, disse.

Ainda segundo Nascimento, a Associação e o Sindicato comunicarão a todos os associados e lojas nos próximos dias. “Antes de vir aqui, tínhamos ouvido vários empresários do Estado e já comunicamos a eles que nosso posicionamento eria favorável a esta parceria com o Estado”, afirmou Gustavo.

CONTRA

Dando continuidade aos diálogos com os segmentos da sociedade civil organizada, que começaram há algumas semanas, o governador Pedro Taques também recebeu os membros do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo (Sindipetróleo) e Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas (Sindmat), nesta sexta. Os representantes também conheceram o cenário econômico do estado e ouviram sugestões do Governo, tirando dúvidas sobre a implantação do Fundo de Estabilização.

Com o Sindipetróleo, o debate continuará nos próximos dias. A entidade não aceita o novo fundo que gerará um aumento estimado de R$ 0,20 no preço do óleo diesel no Estado.

O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, explicou que o Governo do Estado tem sido absolutamente democrático em relação ao tema e garante que nada será feito sem o consenso com todos os setores. “Estamos dialogando com todos os setores e negociando o menor impacto possível. Para que o Estado consiga sair dessa situação difícil para o fluxo de caixa e que não tenhamos problemas também em relação a sociedade, estamos chamando os setores para que eles ofereçam sua contrapartida em benefício do Estado e que todos saiam ganhando no final”, disse o secretário.

Taques tem mantido diálogo com vários setores para que a criação e implantação do Fundo de Estabilização Fiscal possam ser levadas adiante. Esta semana, nos dias 20 e 22 de fevereiro, empresários do setor agropecuário tiveram acesso às contas do governo e conheceram a proposta do Fundo.

Durante a apresentação do fechamento do exercício de janeiro, por exemplo, ficou claro que a receita vem crescendo, mas mesmo assim o Estado não tem fluxo de caixa. Os recursos são divididos entre os municípios, percentuais garantidos em lei, entre eles do ICMS e Fundeb e ainda aos Poderes e servidores, cujos aumentos foram concedidos por outros governos e que obrigam o cumprimento. “Está claro que o Estado segue em uma situação delicada e vamos analisar juntos cada proposta. Vamos discutir com cada setor envolvido antes de enviar o projeto do Fundo para a Assembleia Legislativa e não mandaremos aos deputados enquanto todos não estiverem de acordo”, garantiu o governador. (Folha Max)



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Sindicato rejeita fundo que aumentará preço dos combustíveis em MT
FONTE: DIÁRIONEWS
[divider style=”solid” top=”20″ bottom=”20″][toggle title=”SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO” state=”open”]Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.[/toggle]

GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

DIRETO DA REDAÇÃO

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe aqui seu comentário!

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

“RAPIDINHAS”

  • DEMILSON NUNES (PSDB-AF/MT)
    "Iremos promover junto a Câmara a criação de uma audiência pública para convocar e exigir da ENERGISA explicações sobre os aumentos "abusivos e extorsivos" nas contas de energia no município".
  • CHARLES MIRANDA (PSD-AF/MT)
    "Eu atendo desde as 4:00 da manhã nos postos de saúde, e não temos material de apoio, não temos condições para cobrar que os funcionários deem qualidade no atendimento a população".
  • VEREADOR TUTTI (PSDB - AF/MT)
    "A grande esperança do povo brasileiro hoje é a justiça, por que os políticos perderam a "vergonha na cara"".
  • ROSE "DO TRADIÇÃO" (PSL)
    Estou trabalhando forte, visitando vários lugares e municípios, sou pré-candidata a deputada por que tá na hora das pessoas de bem se envolverem na política...

VÍDEOS EM DESTAQUE NAS REDES

_____________________________________

PERGUNTINHA DO MÊS:

Apesar da legalidade, você acha correto os vereadores saírem de férias (recesso) de meio de ano, por 30 dias, com a cidade de Alta Floresta praticamente abandonada as moscas com problemas no setor da saúde e de obras, tais como: queimadas, poeira nos bairros, ruas esburacadas, falta de remédios, falta de médicos, semáforos que não funcionam, maquinário quebrado, caminhões quebrados, coleta de lixo deficiente, lixão a céu aberto, perda de verbas estaduais para o município e tantas outras mazelas que assolam a nossa cidade?

SIGA-ME OS BONS…

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

MEGA-SENA – ÚLTIMO RESULTADO:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte
%d blogueiros gostam disto: