O longa-metragem, ‘Loop’, do cineasta cuiabano Bruno Bini, protagonizado por Bruno Gagliasso começou a ser filmado neste domingo (25), na capital mato-grossense. Um dos cenários escolhidos para retratar a história de um rapaz que fica obcecado com a ideia de voltar no tempo depois que a namorada morre, foi a Praça da Mandioca. Outro ponto  será a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Durante coletiva de imprensa, realizada na tarde deste sábado (24), o diretor também aproveitou para anunciar que o ator Romeu Benedicto, que interpreta o personagem ‘Totó Bodega’, irá compor o elenco.

Apesar de as gravações iniciarem amanhã, Branca Messina (Não por Acaso, 400 Contra 1) e Nikolas Antunes (Liberdade, Liberdade; Ilha de Ferro) já estão em Cuiabá, onde estavam sob a preparação da  treinadora do cinema nacional, Fátima Toledo, que compõe a produção de grandes filmes nacionais, como Tropa de Elite e Cidade de Deus.

Durante coletiva, Branca não asseverou quanto  a importância da preparação de elenco.“Foi essencial ter a Fátima junto. Foram dias intensos e um foi um presente”, disse ela, e Gagliasso completou: “Eu digo que todo ator deveria passar uma semana com ela. Ela ajuda a gente se encontrar, e quando nos encontramos, acabamos mostrando a alma do personagem. Não adianta construir por fora e por dentro estar vazio”.

Nikolas também não economizou elogios. “A Fátima tem um negócio ali diferente. Eu sou a prova viva disso. Foram oito dias pesados. Ela primeiro bagunça, a gente se perde, mas depois ela mostra o caminho para você voltar”.

Com temperamento fleumático, Bini não escondeu a felicidade de gravar seu primeiro longa, na sua cidade natal.  “Quero deixar registrada a felicidade, de estar fazendo meu primeiro longa em Cuiabá, a minha cidade, onde consegui experimentar e construir a minha carreira no cinema. Muito feliz de estar com um elenco e uma equipe tão bacana. De todo sentimento, que todo mundo esta recebendo, está sendo uma experiência incrível, acredito que até o final vai estar sendo”.

Embora, uma parte do longa se passe nos anos 80 e 90, o diretor contou que poucos detalhes farão com que as pessoas de fora, reconheçam a capital. A ideia é transmitir Cuiabá, como as grandes capitais do Brasil.  A Praça da Mandioca e as dependências da UFMT, são alguns dos cenários que irão compor a história.

‘Loop’ conta a história de Daniel, um físico,  que fica obcecado com a ideia de voltar no tempo depois que a namorada, Bia Arantes, morre. O núcleo do filme, se completa com a irmã de Daniel, que será interpretada por Branca. Sobre o papel de Nikolas, o diretor moderou as palavras, pois segundo ele, pouco se podia falar. “A gente pode falar muito pouco, mas o personagem é importantíssimo na trama também”, garantiu.

Além de se passar aqui, grande parte da equipe técnica também é formada por cuiabanos. Ao todo serão cerca de 70 pessoas envolvidas, mas durante a pós-produção, este número pode chegar até 90.

“A maior parte da equipe é de Mato Grosso. Inclusive poucos assistentes são de fora, mas a maior parte é de Mato Grosso. Todo restante do elenco, de figurantes que chega a 280 pessoas, são todas daqui”, contou ele, que também adiantou que pretende fazer a primeira exibição do longa, ainda em 2018.

O diretor já recebeu 47 prêmios por seus curtas em diversos festivais em todo o mundo, contou sobre as características do filme.

“Acho que existe um gap entre o cinema artístico e o comercial. Eu acho que a gente se encontra no meio disso. O ‘Loop’ ele é um filme que tem muitas referências pop, de filme de aventura, ele é um filme que vai interessar muito o grande público”.

Bastante conhecido por trabalhar em grandes produções da TV Globo, o protagonista enalteceu a capital e fez questão de dizer que não se limita apenas a São Paulo e Rio de Janeiro.

“Quem está me dando à chance de estar aqui é o Mato Grosso. Estou amando estar aqui, e todo mundo me pergunta: Porque Cuiabá? Acho que a melhor resposta para isso é: Porque não, Cuiabá?”, questionou ele, que aproveitou para elogiar o roteiro. “Esse filme só tem fera. Assim que eu li o roteiro, eu disse na hora: sem dúvidas é um dos melhores roteiros que já vi na minha vida, é muito bom! Todos profissionais envolvidos são maravilhosos. A honra e a chance que me deu, foi Cuiabá, Mato Grosso, e eu estou aqui para retribuir tudo isso”.

Entusiasmando, o protagonista também disse que o diretor é “ousado” e “atrevido”. “E disso que a gente precisa, pois se não tiver, qual vai ser o significado de tudo?”.

O filme, possui investimentos de R$ 3 milhões e é fruto de um projeto aprovado por editais do Governo do Estado, Prefeitura de Cuiabá, e com fundos da Lei do Audiovisual, da Agência Nacional do Cinema (Ancine) e do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), tem co-produção da Globo Filmes e o Canal Brasil como um dos patrocinadores. A supervisão artística ficou por conta do renomado diretor Fernando Meirelles.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Praça da Mandioca e UFMT serão cenários de filme com Bruno Gagliasso
FONTE: CENÁRIO MATO GROSSO
[divider style=”solid” top=”20″ bottom=”20″][toggle title=”SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO” state=”open”]Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.[/toggle]

GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Deixe aqui seu comentário!

%d bloggers like this: