Notícias do Estado

CPLP avança em discussão sobre circulação de cidadãos entre os países-membros

A livre circulação de cidadãos entre os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) foi tema de uma reunião, ontem e hoje (10 e 11), no Palácio Conde de Penafiel, sede da CPLP, em Lisboa.  O assunto é debatido no grupo há 18 anos, mas a discussão não apresenta um desfecho a curto prazo.

“Foi um debate amplo, profícuo e interessante sobre todos os temas relacionados à mobilidade de cidadãos dentro do espaço da CPLP. Como resultado, produzimos um documento, que vai ser submetido ao CCP (Comitê de Concertação Permanente da CPLP), de modo que delibere sobre os futuros passos dessas recomendações (que foram traçadas durante a reunião)”, afirmou o diretor do Departamento de Migração e Assuntos Jurídicos do Ministério das Relações Exteriores do Brasil,  Paulo Pacheco, que comandou a reunião.

Participaram do encontro representantes dos Ministérios da Administração Interna, das Relações Exteriores e da Justiça de todos os países-membros da Comunidade: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

O representante brasileiro disse ainda acreditar que foi dado um passo importante no sentido de reforçar os acordos já existentes sobre mobilidade entre os países da CPLP. Entre os acordos a que ele se refere está, por exemplo, o que visa facilitar a circulação de estudantes entre os países que compõem a Comunidade.

Umas das possíveis dificuldades para o avanço de uma livre circulação de pessoas entre os estados-membros da CPLP é a participação de Portugal no espaço Schengen, que torna possível transitar livremente por 26 países europeus. No entanto, segundo Pacheco, esse tema não esteve presente nas discussões.

“O espaço Schengen é um elemento importante, mas nessa reunião, especificamente, não foi tratado. Não foi um elemento que tenha orientado as discussões”, disse o diretor.

Encontros regulares

Após anos sem debater o tema da mobilidade, os representantes da CPLP querem agora retomar a regularidade das discussões, com encontros anuais. Para Pacheco, a reunião resultou em três principais recomendações, que deverão nortear os trabalhos futuros. A primeira é a real implementação dos acordos já existentes. “Alguns acordos ainda precisam ser ratificados por alguns estados-membros, e outros não têm sido implementados a contento”.

Outra recomendação é a de divulgar mais esses acordos às populações dos países, que ainda os desconhecem.

Por fim, foi sugerido modernizar as leis de migração dos países-membros. “No Brasil, recentemente, alteramos a nossa lei de imigração. É uma lei bastante mais progressista e que facilita enormemente a mobilidade, não só de cidadãos no âmbito da CPLP, mas em geral”.

As recomendações ainda seguirão para instâncias superiores dentro da própria CPLP. As discussões sobre mobilidade e livre circulação de pessoas devem levar ainda muitos anos para ser implementadas.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:CPLP avança em discussão sobre circulação de cidadãos entre os países-membros
FONTE: CENÁRIO MATO GROSSO
[divider style=”solid” top=”20″ bottom=”20″][toggle title=”SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO” state=”open”]Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.[/toggle]

GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

DIRETO DA REDAÇÃO

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe aqui seu comentário!

COLUNISTA | DANNY BUENO

“RAPIDINHAS”

  • DEMILSON NUNES (PSDB-AF/MT)
    "Iremos promover junto a Câmara a criação de uma audiência pública para convocar e exigir da ENERGISA explicações sobre os aumentos "abusivos e extorsivos" nas contas de energia no município".
  • CHARLES MIRANDA (PSD-AF/MT)
    "Eu atendo desde as 4:00 da manhã nos postos de saúde, e não temos material de apoio, não temos condições para cobrar que os funcionários deem qualidade no atendimento a população".
  • ROSE "DO TRADIÇÃO" (PSL)
    Estou trabalhando forte, visitando vários lugares e municípios, sou pré-candidata a deputada por que tá na hora das pessoas de bem se envolverem na política...
  • Sergio Moro - Futuro Ministro da Justiça
    Fiz com certo pesar, ...No entanto, a perspectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito à Constituição, à lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão.

PERGUNTINHA DO MÊS:

Os votos que foram distribuídos entre 6 candidatos em condições de representar Alta Floresta, poderiam ter elegido pelo menos um deputado estadual, você acha que a região mereceu ficar sem nenhum representante local na Assembleia Legislativa, pela falta de coordenação política dos nossos representantes?

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

MEGA-SENA – ÚLTIMO RESULTADO:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte

VÍDEOS EM DESTAQUE NAS REDES

Nenhum Banner adicionado

error: Conteúdo Protegido ! © Todos os direitos reservados a MatoGrossoAoVivo e suas fontes expressamente citadas.
    /* ]]> */