Direitos Humanos Mundo Últimas

Anistia acusa Nicarágua de usar armas de fogo para reprimir protestos

Em relatório divulgado nesta segunda-feira (29), a Anistia Internacional acusa o governo da Nicarágua de usar armas de fogo e grupos paramilitares na repressão dos protestos que se espalharam pelo país em abril e maio e resultaram na morte de mais de 70 pessoas. Intitulado Atirar para Matar, o relatório da Anistia é baseado em entrevistas com testemunhas e em fotos e vídeos.

Segundo a organização não governamental (ONG) de defesa dos direitos humanos, muitas das mortes foram provocadas por tiros na cabeça, no pescoço e no peito das vítimas.

O relatório foi divulgado em Manágua horas antes da marcha Movimento das Mães de Abril, convocada para esta quarta-feira (30), data em que se celebra o Dia das Mães na Nicarágua.

Muitas das vítimas dos protestos eram jovens universitários, que se somaram às manifestações iniciadas no dia 18 de abril, depois da publicação do decreto que reformou a Previdência Social. O protesto inicial, contra o aumento da contribuição para patrões e empregados, transformou-se rapidamente em um movimento nacional contra o governo de Daniel Ortega, considerado autoritário.

A Anistia Internacional acusa o governo de negar os excessos cometidos na repressão e de censurar a imprensa. Diante do crescente número de mortes, Ortega pediu à Igreja Católica que mediasse um dialogo de paz. A Conferência Episcopal nicaraguense aceitou, desde que o governo instalasse uma Comissão de Verdade internacional para investigar as mortes ocorridas durante os protestos.

Ortega concordou, mas rejeitou as recomendações que os bispos fizeram no dia 23 deste mês – após dias de deliberações com outros setores da sociedade – para apaziguar o país.

As recomendações da Igreja Católica – consideradas um “golpe” por Ortega – incluíam a reforma da Constituição e o adiamento das eleições presidenciais, além da proibição da reeleição do presidente, que está em seu terceiro mandato consecutivo. Ele foi reeleito em 2016.

A reforma da Previdência, que desencadeou os protestos, foi revogada pelo governo, mas isso não foi suficiente para acabar com os distúrbios mais violentos desde o fim da guerra civil, em 1990.

Estudantes, agricultores e até empresários somaram-se aos protestos contra Ortega – líder da Revolução Sandinista, que, em 1979, derrubou a ditadura de Anastásio Somoza. Ele tem sido acusado pela oposição (e também por ex-aliados) de querer instalar uma dinastia política na Nicarágua, parecida com a que ele combateu quando era guerrilheiro. A mulher dele, Rosario Murtillo, é vice-presidente e porta-voz do governo.

O governo e a Igreja concordaram em retomar o diálogo, nos próximos dias, apesar de continuarem as denúncias de repressão e mortes.

Edição: Nádia Franco



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Anistia acusa Nicarágua de usar armas de fogo para reprimir protestos
FONTE: CENÁRIO MATO GROSSO
___________________________________________
SEJA UM “REPÓRTER CIDADÃO”
Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

DIRETO DA REDAÇÃO

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe aqui seu comentário!

COLUNISTA | DANNY BUENO

“RAPIDINHAS”

  • DEMILSON NUNES (PSDB-AF/MT)
    "Iremos promover junto a Câmara a criação de uma audiência pública para convocar e exigir da ENERGISA explicações sobre os aumentos "abusivos e extorsivos" nas contas de energia no município".
  • CHARLES MIRANDA (PSD-AF/MT)
    "Eu atendo desde as 4:00 da manhã nos postos de saúde, e não temos material de apoio, não temos condições para cobrar que os funcionários deem qualidade no atendimento a população".
  • ROSE "DO TRADIÇÃO" (PSL)
    Estou trabalhando forte, visitando vários lugares e municípios, sou pré-candidata a deputada por que tá na hora das pessoas de bem se envolverem na política...
  • Sergio Moro - Futuro Ministro da Justiça
    Fiz com certo pesar, ...No entanto, a perspectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito à Constituição, à lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão.

PERGUNTINHA DO MÊS:

Os votos que foram distribuídos entre 6 candidatos em condições de representar Alta Floresta, poderiam ter elegido pelo menos um deputado estadual, você acha que a região mereceu ficar sem nenhum representante local na Assembleia Legislativa, pela falta de coordenação política dos nossos representantes?

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

VÍDEOS EM DESTAQUE NAS REDES

_____________________________________

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

MEGA-SENA – ÚLTIMO RESULTADO:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte
    /* ]]> */