Análise dos Fatos - Danny Bueno Brasil Destaque Eleições 2018 Internacionais Jair Bolsonaro PSL Redes Sociais TSE Últimas

“Agradeço a Deus, e peço que me dê sabedoria para governar o Brasil” – Jair Bolsonaro (28/10)

A DEMOCRACIA QUE EMANA DAS REDES SOCIAIS

Eleito com 55,13% dos votos válidos, Jair Messias Bolsonaro é agora o 38° presidente a conduzir a nação brasileira.
Em pronunciamento em cadeia nacional, logo após a confirmação de sua vitória, o agora Presidente eleito,   Jair Messias Bolsonaro (PSL), 63 anos,com mais de 57.796 milhões de votos, como № 38° (Trigésimo Oitavo), pediu que todos os brasileiros se unam para dissipar as diferenças, pois todos fazem parte de um único país e que está disposto a pacificar a nação.

Além de fazer um discurso emocionado, acompanhado da mesma equipe de políticos e assessores que estiveram ao longo de toda campanha sempre presentes, Bolsonaro falou em igualdade, democracia e na constituição federal, afirmando que seu governo será voltado para os municípios brasileiros e que as verbas do governo federal serão voltadas diretamente dos cofres da união para os municípios.

Outra frase marcante do presidente eleito, entrará com para história com certeza como uma das grandes promessas desse governo, ao falar sobre sua metodologia de governo, Bolsonaro frisou que seu governo será reconhecido por ser centrado “mais no Brasil e menos em Brasília”.

Antes de sua fala, Jair Bolsonaro deu a palavra ao congressista Magno Malta, senador da república que não conseguiu se reeleger, mas, que com certeza terá um papel de grande destaque no governo do presidente eleito.

Já Malta, ao fazer uso da palavra preferiu invocar o nome de Deus por meio de uma oração fervorosa, em que pediu a todas as crenças que se uniram em preces pela proteção e a vitória de Jair Bolsonaro, agora agradeçam a Deus e que peçam que Ele conceda sabedoria e coragem para que Bolsonaro faça um governo ‘ungido” e abençoado.

Ao final de seu discurso, Jair Bolsonaro fez questão de agradecer pela força, coragem e companheirismo de sua esposa Michelle Bolsonaro, que sempre esteve ao seu lado e que sem a mesma jamais teria conseguido superar os desafios ao longo de toda sua “jornada”.

Bolsonaro, fez questão de lembrar também de sua família e da equipe de médicos da Santa Casa de Juiz de Fora, aonde foi atendido após seu atendado a faca, no último dia 06 de Setembro, a pouco mais de uma mês atrás, bem como agradeceu pela competência do médicos do Hospital Albert Einstein, aonde manteve sua recuperação nas semanas seguintes ao atentado, até receber alta e dar continuidade durante os últimos 52 dias a campanha, mesmo estando debilitado sobre forte pressão política imposta pelos adversários que fizeram uma campanha conjunta para tentar destruir a imagem do preferido em todas as pesquisas desde o início de sua candidatura.

Com uma campanha sem qualquer recursos, o presidente eleito mostrou que a força das redes sociais fez a diferença e foi a sua maior aliada para alcançar uma vitória, que será sem dúvidas lembrada como eleição em que o povo, conclamado por um político, até então inexpressivo, sem qualquer recurso financeiro, mas, que encarnava o “discurso entalado na garganta” de todos os brasileiros desde as revelações de constantes escândalos dos governos Lula, Dilma e todos os que estavam “inseridos” nas diversas camadas em que o governo petista tinha se estruturado.

De lá pra cá, uma forte corrente de pensamento popular se formou em torno do candidato, que passou a ser venerado como “Mito”,  e em diversas ocasiões foi flagrado sendo recepcionado como um verdadeiro “herói nacional” nos aeroportos de todos país, bastava saber que o polêmico Jair Bolsonaro chegaria na cidade, sempre de avião de carreira, na cidade e uma multidão se aglomerava nos saguões como nunca antes qualquer outro estadista brasileiro havia sido recebido pelo povo brasileiro

Danny Bueno – Coluna AF

 

ÍNTEGRA DO DISCURSO  DE 6 PÁGINAS DE JAIR BOLSONARO APÓS RESULTADO DAS URNAS:

“Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Nunca estive sozinho. Sempre senti a presença de Deus e a força do povo brasileiro.

Orações de homens, mulheres, crianças, famílias inteiras que, diante da ameaça de seguirmos por um caminho que não é o que os brasileiros desejam e merecem, colocaram o Brasil, nosso amado Brasil, acima de tudo.

Faço de vocês minhas testemunhas de que esse governo será um defensor da Constituição, da democracia e da liberdade. Isso é uma promessa não de um partido. Não é a palavra vã de um homem. É um juramento a Deus.

A verdade vai libertar este grande país, e a liberdade vai nos transformar em uma grande nação.

A verdade foi o farol que nos guiou até aqui e que vai seguir iluminando o nosso caminho.

O que ocorreu hoje nas urnas não foi a vitória de um partido, mas a celebração de um país pela liberdade.

O compromisso que assumimos com os brasileiros foi de fazer um governo decente, comprometido exclusivamente com o país e com o nosso povo –e eu garanto que assim será.

Nosso governo será formado por pessoas que tenham o mesmo propósito de cada um que me ouve neste momento: o propósito de transformar o nosso Brasil em uma grande, livre e próspera nação.

Podem ter certeza de que nós trabalharemos dia e noite para isso. Liberdade é um princípio fundamental: liberdade de ir e vir, de andar nas ruas, em todos os lugares deste país, liberdade de empreender, liberdade política e religiosa, liberdade de informar e ter opinião. Liberdade de fazer escolhas e ser respeitado por elas.

Este é um país de todos nós, brasileiros natos ou de coração. Um Brasil de diversas opiniões, cores e orientações.

Como defensor da liberdade, vou guiar um governo que defenda e proteja os direitos do cidadão que cumpre seus deveres e respeita as leis; elas são para todos. Porque assim será o nosso governo; constitucional e democrático.

Acredito na capacidade do povo brasileiro, que trabalha de forma honesta, de que podemos juntos –governo e sociedade– construir um futuro melhor.

Esse futuro de que falo e acredito passa por um governo que crie as condições para que todos cresçam. Isso significa que o governo federal dará um passo atrás –reduzindo a sua estrutura e a burocracia; cortando desperdícios e privilégios, para que as pessoas possam dar muitos passos à frente.

Nosso governo vai quebrar paradigmas: vamos confiar nas pessoas. Vamos desburocratizar, simplificar e permitir que o cidadão, o empreendedor, tenha mais liberdade para criar e construir e seu futuro.

Vamos “desamarrar” o Brasil.

Outro paradigma que vamos quebrar: o governo, de verdade, a Federação. As pessoas vivem nos municípios; portanto, os recursos federais irão diretamente do governo central para os estados e municípios. Colocaremos de pé a federação brasileira. Nesse sentido é que repetimos que precisamos de mais Brasil e menos Brasília.

Muito do que estamos fundando no presente trará conquistas no futuro. As sementes serão lançadas e regadas para que a prosperidade seja o desígnio dos brasileiros do presente e do futuro. Esse não será um governo de resposta apenas às necessidades imediatas.

As reformas a que nos propomos serão para criar um novo futuro para os brasileiros. E quando digo isso falo com uma mão voltada para o seringueiro no coração da selva amazônica e a outra para o empreendedor suando para criar e desenvolver sua empresa. Porque não existem brasileiros do sul ou do norte. Somos todos um só país, somos todos uma só nação!

Uma nação democrática!

O estado democrático de direito tem como um dos seus pilares o direito de propriedade.

Reafirmamos aqui o respeito e a defesa deste princípio constitucional e fundador das principais nações democráticas do mundo.

Emprego, renda e equilíbrio fiscal: é o nosso compromisso para ficarmos mais próximos de oportunidades e trabalho para todos.

Quebraremos o círculo vicioso do crescimento da dívida, substituindo-o pelo círculo virtuoso de menores déficits, dívidas decrescente e juros mais baixos.

Isso estimulará os investimentos, o crescimento e a consequente geração de empregos. O déficit público primário precisa ser eliminado o mais rápido possível e convertido em superávit.

Este é o nosso propósito.

Aos jovens, uma palavra do fundo do meu coração: vocês têm vivido um período de incerteza e estagnação econômica. Vocês foram e estão sendo testados a provar sua capacidade de resistir. Prometo que isso vai mudar. Esta é a nossa missão. Governaremos com os olhos nas futuras gerações e não na próxima eleição.

Libertaremos o Brasil e o Itamaraty das relações internacionais com viés ideológico a que foram submetidos nos últimos anos. O Brasil deixará de estar apartado das nações mais desenvolvidas.

Buscaremos relações bilaterais com países que possam agregar valor econômico e tecnológico aos produtos brasileiros. Recuperaremos o respeito internacional pelo nosso amado Brasil.

Durante a nossa caminhada de quatro anos pelo Brasil, uma frase se repetiu muitas vezes: “Bolsonaro, você é a nossa esperança”.

Cada abraço, cada aperto de mão, cada palavra ou manifestação de estímulo que recebemos nesta caminhada fortaleceram o nosso propósito de colocar o Brasil no lugar que merece.

Nesse projeto que construímos, cabem todos aqueles que têm o mesmo objetivo que o nosso.

Mesmo no momento mais difícil desta caminhada, quando, por obra de Deus e da equipe médica de Juiz de Fora, ganhei uma nova certidão de nascimento, não perdemos a convicção de que juntos poderíamos chegar a esta vitória.

É com esta mesma convicção que afirmo: ofereceremos a vocês um governo decente, que trabalhará, verdadeiramente, para todos os brasileiros.

Somos um grande país, e agora vamos juntos transformar esse país em um grande nação. Uma nação livre, democrática e próspera!

BRASIL ACIMA DE TUDO,

DEUS ACIMA DE TODOS!”

Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu carreira, desde 1991, trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, músico, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo.
(http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe aqui seu comentário!

COLUNISTA | DANNY BUENO

“RAPIDINHAS”

  • DEMILSON NUNES (PSDB-AF/MT)
    "Iremos promover junto a Câmara a criação de uma audiência pública para convocar e exigir da ENERGISA explicações sobre os aumentos "abusivos e extorsivos" nas contas de energia no município".
  • CHARLES MIRANDA (PSD-AF/MT)
    "Eu atendo desde as 4:00 da manhã nos postos de saúde, e não temos material de apoio, não temos condições para cobrar que os funcionários deem qualidade no atendimento a população".
  • ROSE "DO TRADIÇÃO" (PSL)
    Estou trabalhando forte, visitando vários lugares e municípios, sou pré-candidata a deputada por que tá na hora das pessoas de bem se envolverem na política...
  • Sergio Moro - Futuro Ministro da Justiça
    Fiz com certo pesar, ...No entanto, a perspectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito à Constituição, à lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão.

PERGUNTINHA DO MÊS:

Os votos que foram distribuídos entre 6 candidatos em condições de representar Alta Floresta, poderiam ter elegido pelo menos um deputado estadual, você acha que a região mereceu ficar sem nenhum representante local na Assembleia Legislativa, pela falta de coordenação política dos nossos representantes?

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

VÍDEOS EM DESTAQUE NAS REDES

_____________________________________

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

MEGA-SENA – ÚLTIMO RESULTADO:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte
    /* ]]> */