Últimas

Arrancada para ciência

Vicente Vuolo

O otimismo do povo brasileiro com a possibilidade de o novo governo promover as reformas necessárias para tornar a máquina do Estado mais eficiente pode fazer o país crescer mais rapidamente. E com isso, beneficiar o setor científico a receber uma atenção jamais vista.
O programa do governo Bolsonaro acena com a possibilidade de um investimento em ciência da ordem de 3% do Produto Interno Bruto (PIB) – contra parcos 1,2% atualmente – o que colocaria o país em um patamar mais competitivo internacionalmente.
A partir da escolha meritocrática do astronauta Marcos Pontes para ocupar o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação pode-se esperar uma arrancada na ciência brasileira. O piloto da Força Aérea Brasileira, engenheiro, com mestrado em engenharia de Sistemas pela Naval Postgraduate School, na Califórnia, demonstrou confiança nas primeiras palavras após aceitar o convite do presidente eleito: “Educação para formar cidadãos qualificados. Ciência para desenvolver ideias e soluções específicas para o Brasil. Tecnologia para transformar ideias em inovações, que vão se transformar em novos produtos, que vão se transformar em novas empresas, que vão criar novos empregos”.

“No Brasil falta suporte e estímulos para que os cientistas busquem patentes. Além disso, o país interage pouco com o setor privado”

Hoje no Brasil falta suporte e estímulos para que os cientistas busquem patentes. Além disso, o país interage pouco com o setor privado. O Brasil é o 11° país em registro de patentes. Os números de depósito de pedidos de patente brasileiros representam apenas 0,03% de todas as 10 milhões de patentes vigentes no mundo. Um dos problemas é a burocracia. Leva-se em média 11 anos para se concluir o processo de registro de uma patente no Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI. É necessário se preencher o quadro técnico do órgão e ter uma diretriz governamental clara sobre a prioridade para a área.
Com o prestígio internacional de Marcos Pontes o Brasil pode alcançar voos mais altos, buscando parcerias com os países mais adiantados do mundo. Uma delas, é com Israel, que possui o Instituto Weizmann, um verdadeiro celeiro de conhecimento científico. Pesquisas desenvolvidas na instituição israelense já renderam 6 prêmios Nobel e os produtos industriais desenvolvidos em seus laboratórios movimentam US$ 37 bilhões por ano.
De acordo com o vice-presidente de Relações Internacionais do Instituto Weizmann, Israel Bar-Joseph, é muito importante combinar a ciência com desenvolvimento econômico: “ Nós temos um modelo único. Nossa visão, e isso é muito importante, é de uma ciência que beneficia a humanidade. Não fazemos ciência pela ciência. Nossa medida de sucesso é o impacto que geramos para a humanidade. Não necessariamente para Israel ou para o setor industrial de Israel. Esse é o primeiro ponto. Em segundo lugar, aprendemos com a ciência que o caminho para as grandes descobertas é longo. Vivemos em uma sociedade altamente tecnológica, e em Israel há muita criatividade e inovação. O nosso mundo é outro. Queremos gerar conhecimento”.
A transferência da gestão das universidades federais para o Ministério que Pontes comandará poderá ser um estímulo forte para que nossa criatividade se transforme em conhecimento científico que produza inovações tecnológicas e coloque o país no mercado ascendente de produtos inovadores e com grande valor agregado.
O momento é muito favorável, desde que o novo governo faça realmente a escolha pela inovação e não pelo retorno a um país meramente exportador de commodities.
Vicente Vuolo é servidor de carreira do Senado Federal, economista e cientista político. E-mail: vicentevuolo10@gmail.com Arrancada para ciência Arrancada para ciência A partir da escolha meritocrática do astronauta Marcos Pontes para ocupar o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação pode-se esperar uma arrancada na ciência brasileira

___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Arrancada para ciência
FONTE: RD NEWS
___________________________________________


0
2.1K


___________________________________________
SEJA UM “REPÓRTER CIDADÃO”
Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.
____________________________________________________
GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO


ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back



Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Tags

DIRETO DA REDAÇÃO

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Deixe aqui seu comentário!

COLUNISTA | DANNY BUENO

PERGUNTINHA DO MÊS:

A prefeitura enviou um projeto de adequação dos valores do IPTU dos imóveis do município e pede que os vereadores aprovem antes do final do ano para ser implementado o aumento já em 2019, você é foi informado sobre esse aumento? Se não, o que acha da forma como a prefeitura está pretendendo proceder com esta questão?

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

MEGA-SENA – ÚLTIMO RESULTADO:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte

VÍDEOS EM DESTAQUE NAS REDES

Nenhum Banner adicionado

error: Conteúdo Protegido ! © Todos os direitos reservados a MatoGrossoAoVivo e suas fontes expressamente citadas.
    /* ]]> */