PUBLICIDADES
MUNDO JURÍDICO

STJ dá prazo à prefeitura do Rio e ao TJ sobre abertura da Niemeyer

(Last Updated On: 3 de janeiro de 2021)

Deixe seu comentário abaixo ou compartilhe acima, via Facebook e WhatsApp

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, determinou que o município do Rio de Janeiro e o Tribunal de Justiça do Estado (TJRJ) prestem informações sobre a situação da Avenida Niemeyer, que liga os bairros do Leblon e Vidigal a São Conrado, na zona sul da cidade.

A decisão, com data de ontem (1º), foi divulgado hoje (2) pelo STJ. No documento, o ministro determina o prazo de cinco dias para que a prefeitura e o TJRJ prestem esclarecimentos sobre os fatos concretos que indiquem, de modo decisivo, mudanças na situação da Avenida Niemeyer que justifiquem o pedido de reconsideração de decisão que suspendeu a interdição da via.

A Assessoria de Recursos Constitucionais Cíveis do Ministério Público do Rio de Janeiro (ARC Cível/MPRJ) recorreu ao STJ pedindo a suspensão da liminar que mantêm a avenida aberta, depois que uma chuva na quarta-feira (30) provocou novo deslizamento na Niemeyer, levando à interdição da via por algumas horas.

Briga judicial

A avenida foi interditada no dia 27 de maio de 2019, quando o TJRJ determinou seu fechamento após um temporal que atingiu a cidade e provocou deslizamentos de terra na via. Em fevereiro do mesmo ano, outro temporal já havia causado deslizamentos e a morte de duas pessoas na Niemeyer, soterradas dentro de um ônibus que foi atingido por uma árvore que desceu da encosta.

Em junho de 2019 a Justiça manteve o fechamento, em decisão de segunda instância. Em fevereiro de 2020, a prefeitura recorreu ao STJ pedindo a reabertura da via e obteve decisão favorável no dia 10 de março, após a municipalidade informar ter investido R$34 milhões em 56 intervenções ao longo da Avenida Niemeyer até dezembro de 2019.

No dia 20 de março de 2020, o MPRJ recorreu ao STJ, pedindo mais uma vez o fechamento, mas não foi atendido. Agora, o MPRJ alertou para a existência de perigo real à vida das pessoas que circulam pelo local, visto o novo deslizamento ocorrido nesta semana.

Em sua decisão, o ministro Humberto Martins destaca que a questão foi decidida no início de 2020 e o pedido de reconsideração pressupõe que houve mudança na situação, porém, sem indicar “elemento concreto que indique de modo decisivo a existência de mudanças justificadoras da reconsideração da decisão”.

“Nesse sentido, em atenção à relevância da questão, há necessidade de que sejam prestados esclarecimentos sobre os fatos, a fim de que essa presidência tenha condições de avaliar o cabimento e a pertinência do presente pedido à luz da situação atual”, se manifestou Martins na decisão.

O Ministério Público Federal (MPF) também deverá se manifestar no mesmo prazo, na condição de custos legis, ou seja, fiscal da lei.

A reportagem procurou a prefeitura do Rio de Janeiro, o TJRJ e o MPF-RJ para se posicionarem sobre a questão, mas ainda não obteve retorno.

FONTES: AGÊNCIA /GAZETA

___________________________________________

http://https//www.stj.jus.br//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

COMENTE AQUI SOBRE ESTA NOTÍCIA!
Seguir:

DIRETO DA REDAÇÃO

Departamento de Jornalismo em MatoGrossoAoVivo
Nossa equipe de profissionais atualiza diariamente um resumo das principais notícias de , do , do Brasil e do , para manter nosso leitores sempre bem informados.
Seguir:
(Visited 9 times, 1 visits today)
APOIE A INDEPENDÊNCIA DO SITE! DOANDO QUALQUER VALOR.
Mande suas broncas, recados e sugestões por aqui!

 

DIRETO DA REDAÇÃO

Nossa equipe de profissionais atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta, do Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

Comente aqui usando suas redes sociais.

Mato Grosso Ao Vivo no Google News

FAÇA PARTE

WHATS 24 HORAS – CLIQUE AQUI

CLIMA MONITORADO AO VIVO

PUBLICIDADE

COTAÇÃO DO DÓLAR & EURO

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

PUBLICIDADE

APOIAMOS ESTA CAUSA:

ANÚNCIOS & PUBLICIDADES

AGRONEGÓCIO | INDICADORES

LOTERIAS – ÚLTIMOS RESULTADOS:

Mega Sena
Fonte: Caixa Econômica
Boa Sorte
Dupla Sena 1
2021/1/16
02 04 05 24 36 43
Dupla Sena 2
2021/1/16
06 08 14 17 21 40
Quina
2021/1/18
10 14 29 63 72
LotoMania
2021/1/15
11 13 16 19 22 25 29 31 33 35 37 47 50 64 66 83 86 87 93 97
LotoFacil
2021/1/18
01 02 03 04 05 06 08 13 15 16 18 19 21 23 25
TimeMania
2021/1/16
03 15 17 25 27 72 75
/* ]]> */