Página Inicial / Mundo Jurídico / Jim Carrey pode ser julgado por morte de ex, que cometeu suicídio

Jim Carrey pode ser julgado por morte de ex, que cometeu suicídio

O ator Jim Carrey pode ser julgado pela morte da ex-namorada, Cathriona White, de acordo com The Independent. O comediante está acusado de fornecer as drogas que causaram a overdose da jovem, que se matou em setembro de 2015.

Jim Carrie julgado2

Na quarta-feira, dia 31, a juíza do Tribunal Superior de Los Angeles, identificada como Deidre Hill, recusou-se a arquivar dois processos contra Carrey e afirmou que sua deliberação sobre o caso, marcada para dia 26 de abril de 2018.

Para a mãe de Cathriona, o caso da filha trata-se de um homicídio culposo. Já o advogado do ator defende que o suicídio da maquiadora foi uma decisão pessoal, e que o fato de Carrey ter ou não entregado as drogas à ela não tem ligação com o fato.

Relembre o caso

A maquiadora Cathriona White, que namorou Jim Carrey entre 2012 e 2014, morreu em setembro de 2015 após cometer suicídio. Segundo o TMZ na época, ao lado de seu corpo foram encontradas algumas pílulas e uma carta de suicídio para o ator.

 

Publicado por » REDAÇÃO DO SITE

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Que tal ler esta?

Deputado entra com pedido de suspensão de pedágios na BR-163

Compartilhar com WhatsApp O deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), protocolou nesta quarta-feira (08/11), pedido de …

O que você acha disso???

%d bloggers like this: