Página Inicial / Notícias do Estado / Recapadoras destinam corretamente mais de 40 toneladas de pneus em Mato Grosso

Recapadoras destinam corretamente mais de 40 toneladas de pneus em Mato Grosso

Por quatro meses, as recapadoras pneus em Mato Grosso acumularam carcaças inservíveis, pela falta de empresa que pudesse recolher e fazer a destinação correta dos resíduos, conforme a resolução 416/09 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). A determinação estabelece que fabricantes e importadoras devam fazer a coleta, por causa disso o projeto das indústrias de pneus, Reciclanip começou a coletar as carcaças desde a última segunda-feira (28/02), a pedido do Sindicato das Indústrias de Reciclagem de Mato Grosso (Sindirecicle-MT).

Apenas uma recapadora em Várzea Grande destinou mais de 40 toneladas de pneus de caminhão que estavam guardados no depósito da empresa, relata o gerente do estabelecimento, Jorge Cruz. “Os pneus passam por uma análise pelos nossos técnicos, caso estejam em um estágio muito ruim, não é possível recapar. Desta maneira ficamos com o pneu do cliente com objetivo de destinar corretamente e evitar a poluição da cidade”, explicou. Os resíduos dos pneus poderão virar asfalto ou combustível.

Ao todo, são 50 reformadoras de pneus em Mato Grosso. Junto elas reformam 30 mil pneus e recolhem mais de 60 mil. De acordo com o presidente do Sindirecicle-MT, Fabrício Margreiter, o trabalho das empresas é fundamental para a limpeza da área urbana e do meio ambiente. “Além de proporcionar o pneu recapado a um custo três vezes menor do que o novo e com isso gerar empregos, o nosso negócio é indispensável para a vida na cidade, porque é assustador pensar para aonde iriam esses pneus descartados incorretamente”, afirmou.

ICMS inviabiliza reforma

Pneus descartados no meio ambiente podem servir de criadouros de mosquitos. Segundo dados do Boletim Epidemiológico da Dengue, Chikungunya e Zyka, divulgado pela área de Vigilância da Saúde, de janeiro a dezembro de 2015 foram registrados 28 mil casos dessas doenças em Mato Grosso. O número representa um aumento de 143% em relação ao mesmo período de 2014.

Apesar dos benefícios trazidos pela reforma e os dados alarmantes do Estado, em 2014 houve um aumento de 4% para 22% no valor do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), na matéria prima usada na reforma de pneus. Para o presidente do Sindirecicle-MT, Fabrício Margreiter, os impostos vão resultar no fechamento de algumas empresas.

“O setor emprega hoje 3 mil funcionários, todas as reformadoras mato-grossenses apresentam a mesma dificuldade ao tentar sobreviver aos impostos da reforma. A maioria das unidades da federação pagam entre 4% a 5% de ICMS na matéria prima, o que torna a concorrência desleal entre os estados. Com o fechamento das reformadoras, casos como dengue e zyka tendem a aumentar”, alertou.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Recapadoras destinam corretamente mais de 40 toneladas de pneus em Mato Grosso
FONTE: CENÁRIO MATO GROSSO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.


GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » REDAÇÃO DO SITE

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Que tal ler esta?

Professores participam de formação na área de matemática

Compartilhar com WhatsApp Nesta segunda (23), terça (24) e quarta-feira (25), profissionais da educação e …

Deixe aqui seu comentário!

%d bloggers like this: