Carles Puigdemont, ex-presidente da Catalunha, pivô da crise separatista pela qual a comunidade autônoma vem passando nos últimos meses, foi libertado hoje (5), na Alemanha. Puigdemont estava preso desde o dia 25 de março no norte do país, a pedido do Tribunal Supremo espanhol, após cruzar a fronteira com a Dinamarca.

O Tribunal Territorial de Schleswig-Holstein decidiu nesta quinta-feira que o delito de rebelião, pelo qual Puigdemont é acusado pela Justiça espanhola, está descartado. O tribunal entende que as acusações que pesam contra o catalão não seriam puníveis de acordo com a legislação alemã. Decidiram liberar Puigdemont, após o pagamento de fiança de 75 mil euros, enquanto decidem a respeito do pedido de extradição para a Espanha, feito pelo juiz espanhol Pablo Llarena.

Histórico

Desde 1º de outubro do ano passado, a Espanha se viu imersa no conflito separatista catalão. Naquela data, foi realizado um referendo para decidir sobre a independência da Catalunha. O pleito, que não foi reconhecido pelo governo espanhol, teve maioria dos votos pela separação da região.

Após uma declaração unilateral de independência (DUI) por parte dos separatistas, o primeiro-ministro espanhol Mariano Rajoy acionou o artigo 155 da Constituição, que permitiu suspender temporariamente a autonomia da Catalunha; destituir Puigdemont e diversos conselheiros envolvidos na tentativa independentista; e convocar novas eleições.

Após uma campanha turbulenta, o partido de Puigdemont, JuntsXCat (Juntos pela Catalunha), e o Esquerda Republicana da Catalunha (ERC), obtiveram a maioria dos votos e o direito de indicar o novo presidente da região.

No entanto, Puigdemont, o principal líder dos separatistas, estava autoexilado na Bélgica desde o início de novembro do ano passado, com outros quatro ex-conselheiros. Em janeiro deste ano, Puigdemont foi para a Dinamarca.  A promotoria da Espanha solicitou, então, ao Tribunal Supremo, a ativação do mandado europeu de detenção no país. Em março, foi detido na Alemanha.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Justiça alemã liberta Puigdemont após pagamento de fiança
FONTE: CENÁRIO MATO GROSSO
[divider style=”solid” top=”20″ bottom=”20″][toggle title=”SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO” state=”open”]Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do MATO GROSSO AO VIVO.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: matogrossoaovivo@gmail.com ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.[/toggle]

GIRO SOCIAL | MATO GROSSO AO VIVO



ALAMBIQUE (31/09) - REPLAY - Festa Flash Back




Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Nossa equipe de jornalistas atualiza diariamente um resumo das principais notícias de Alta Floresta e região, de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, para manter nosso leitores sempre bem informados.

Deixe aqui seu comentário!

%d bloggers like this: